MCM Plena

O Caminho para a Nova Idade
REINVENTANDO A VELHICE

“Os anos de nossa vida chegam a setenta, ou a oitenta para os que têm mais vigor; entretanto, são anos difíceis e cheios de sofrimento, pois a vida passa depressa, e nós voamos!” (Salmos 90:10)

METODOLOGIA ESPECIAL PARA TRABALHAR COM IDOSOS DA TERCEIRA IDADE E QUARTA IDADE (LONGEVIDADE AVANÇADA)

“Não basta, para uma grande nação, haver acrescentado novos anos de vida. Nosso objetivo terá que consistir em acrescentar nova vida a esses anos”.

John Fitzgerald Kennedy

Quando você iniciou o trabalho com grupo de idosos na igreja encontrou certo grau de dificuldade, não foi uma tarefa fácil. Ter um local apropriado, materiais especializados para as pessoas dessa faixa etária, o próprio interesse do grupo de idosos, entre outros. Muitos são os desafios a serem vencidos. Em certas ocasiões pode não ter havido apoio ao início do projeto, falta de apoio da família e até mesmo dos idosos. Alguns rejeitam por não aceitarem sua condição de idoso, não passam nem perto dos eventos voltados para essa faixa etária. Ainda temos aqueles que só chegam para o “lanchinho” e outro exemplo são aqueles que não participam, mas querem saber se foi bom. Outro grande desafio é levar os homens a participarem do grupo (quebra de paradigmas), lembrando que terceira idade ou longevidade avançada (quarta idade) precisam ser conquistados. É uma liderança que precisa realmente de muito carisma e dependência de Deus.

Além dos desafios citados acima, hoje existem igrejas e pastores acabando com o trabalho com idosos e inserindo-os no núcleo de adultos. Essas igrejas e pastores estão esquecendo que já existem mais idosos que crianças e é uma nova força que se levanta. Creiamos que Deus tem planos para a vida dos idosos. “Porque eu bem sei os planos que estou projetando para vós, diz o Senhor: planos de paz, e não de mal, para vos dar um futuro e uma esperança”. Jeremias 29.11

Como líderes precisamos juntar essas pedras das dificuldades que encontramos no caminho e construir degraus na escada chamada liderança. Abaixo estão as principais ações que um líder deve tomar frente ao seu trabalho com os idosos:

  • Levantamento das pessoas de 60 a 80 anos (terceira idade) e 80 a 120 (quarta idade);

  • Conduzir o grupo no planejamento e realização do seu trabalho;

  • Planejar meios de alistar outras pessoas para o trabalho;

  • Manter-se como guardião de sua própria saúde e dos idosos;

  • Consultar a igreja se há alguma verba orçamentária para o funcionamento do grupo e manutenção das atividades;

  • Criar junto com o grupo obtenção de recursos (bazar, almoço, artesanato) para passeios e outros programas especiais;

  • Programa de comunhão (companheirismo);

  • Estruturar o ministério em espírito de oração e sob a dependência de Deus;

  • Descobrir o valor de cada idoso e leva-lo a participar das atividades com toda satisfação;

  • Vencendo os obstáculos com resiliência e humildade;

  • Incentivar a interação das demais faixas etárias com seu grupo de idosos;

  • Inserir no calendário da igreja as datas comemorativas para os idosos;

  • Criar oportunidades nos departamentos da igreja para os idosos;

  • Abrir o grupo a “não cristãos”.

ALICERCE PARA SUA LIDERANÇA - CARISMA, CARÁTER E CRESCIMENTO

O QUE É LIDERANÇA?

“É a habilidade de influenciar pessoas para trabalharem entusiasticamente visando atingir os objetivos identificados como sendo para o bem comum.”

James C.Hunter

  • Carisma

É a habilidade de atrair pessoas em torno de si. Por isso, as multidões seguiam a Jesus. Dom de inspiração divino. O líder que tem carisma é aquele que inspira as pessoas. Autoconfiança, domínio próprio e integridade. Um líder carismático consegue persuadir e convencer com maior facilidade os seus liderados. O carisma é uma habilidade que pode ser inata ou não.

  • Caráter

É um conjunto de hábitos adquiridos ou desenvolvidos ao longo do tempo, que definem quem é a pessoa. Encontramos em vários textos bíblicos, tanto no velho testamento como no novo testamento, líderes que tiveram seu caráter formado no deserto, ou seja, nas provações, lutas. A vitória foi alcançada e sentiram aprovados por Deus nas suas atitudes, por estarem tão próximos do caráter de Deus. Assim como eles venceram, nós também seremos vencedores em nossos desertos e dele sairemos com nosso caráter fortalecido e sólido. Caráter é um princípio uma verdade, um absoluto de Deus (veja a história em Gênesis 39).

  • Crescimento

Antes de crescer como líder é preciso crescer como pessoa, ou seja, conhecer a si mesmo e saber reconhecer suas habilidades. Saiba a quem você deve agradar no exercício de sua liderança. Quem o alistou? Satisfaça a quem o chamou, Jesus Cristo. “Nenhum soldado em serviço se envolve em negócios desta vida, porque o seu objetivo é satisfazer aquele que o arregimentou” 2 Timóteo2.4

Você tem uma declaração de missão pessoal? Antes de liderar pessoas, é preciso liderar a si mesmo. O líder precisa ter uma filosofia de vida pessoal. “Tem cuidado de ti mesmo...” Foi isso que Paulo disse para Timóteo (1 TM.4.6). Para muitos, a liderança é um ato e não um chamado. Líderes que crescem são líderes que trabalham em conjunto com o grupo. “Se quer ir rápido, vá sozinho. Se quer ir longe, vá acompanhado”.

 

QUAL A SUA MISSÃO COMO LÍDER NO TRABALHO COM OS IDOSOS?

Criar condições para o aprendizado de novas habilidades, ampliar o interesse pelo mundo a sua volta, criar oportunidades de compartilhar e valorizar experiências vividas.

 

DESAFIOS PARA OS LÍDERES

 A sabedoria se acha entre os idosos? A vida longa traz entendimento?

“Deus é que tem sabedoria e poder; a ele pertencem o conselho e o entendimento”. Jó 12:12-13

Chegar à terceira idade ou a longevidade avançada (quarta idade) não significa apenas o final da jornada de anos de trabalho e de missão cumprida em relação à criação dos filhos, mas a entrada em um novo estilo de vida. Com isso a velhice é uma excelente oportunidade para as pessoas procurarem o encontro com a fé e a espiritualidade. O cabelo grisalho é uma coroa de esplendor. (Pv. 16.31) É preciso entender a longevidade como benção de Deus.

“Vida longa eu lhe darei e lhe mostrarei a minha salvação.” Salmos 91.16

A BÍBLIA E O IDOSO

Não há idade para trabalhar por Jesus. A bíblia apresenta o idoso como símbolo de sabedoria e temor a Deus (Jó 15.7-10). Os nossos líderes e pastores ao fazerem apelos missionários deveriam incluir convites e chamados específicos para os idosos. O envelhecimento não significa necessariamente a aposentadoria dos talentos e os dons. Muitos idosos podem e querem continuar a servir suas igrejas nas funções que desenvolviam em outras etapas de suas vidas. O salmista nos ensina a contar os nossos dias para alcançarmos um coração sábio (Sl.90.12) Só podemos contar nossos dias vivendo ano a ano, contando os ciclos da nossa existência.

GERAÇÃO REINVENTANDO A VELHICE

 Despertando – Com a chegada da terceira idade começa a haver as mudanças físicas e psicológicas que ocorrem com o envelhecimento. Trazer para o idoso o olhar sobre si mesmo, fazendo com que ele fortaleça sua autoestima e autonomia para envelhecer com qualidade. Analise cada um de seu grupo e visualize como você pode despertar o melhor deles.

Estratégias – Essa é a geração que está se reinventando na velhice. Os idosos é, por sua longevidade, um vitorioso. Os encontros, passeios, deverão ser atraentes e espirituais O envolvimento de todo o grupo é fundamental, lógico respeitando as limitações de cada um, mas todos devem participar. O “quebra gelo” são ferramentas excelentes para uma integração do grupo. Cânticos espirituais com gestos e expressões de carinho traz o espirito de comunhão e convívio. O idoso tem uma tendência ao isolamento e solidão, com isso trabalhe bem essa questão nos encontros. Não podemos deixar de ter um momento de reflexão da palavra de Deus, buscando sempre textos bíblicos depromessas para o idoso. A bíblia é muito rica quando relata a benção da velhice.

Intercessão – Sabemos que o mundo mudou, todavia, o homem continua o mesmo em suas necessidades espirituais. O momento de oração é muito especial para o idoso, são momentos de entrega, contrição, súplicas, gratidão, intercessão e alimento para a alma, muitas vezes machucadas pelas tristezas da vida. A humanidade precisa do amor e do perdão de Deus, da salvação que só Jesus Cristo pode dar. (Hebreus 13.8)

Participação – Os encontros precisam ter atividades que estimulem a interação do idoso, desenvolvendo sua reflexão, comunicação, interpretação, estimulo a discussão e criatividade. As ideias devem partir do líder do grupo com sua criatividade.

Nós líderes somos responsáveis a estimular nossos idosos a superar os desafios da genética, limitações físicas e emocionais. Ao apresentarmos a eles novas alternativas para um estilo de vida, auxiliamos a preencher essa longevidade conquistada pela ciência.

Todos nós desde que nascemos precisamos ser estimulados para aprendermos os primeiros passos, as primeiras palavras. Na terceira idade e longevidade avançada não é diferente. Muitos dos nossos idosos se condicionaram a pensar que não podem mais realizar algumas atividades, tais como, viagens longas, academias, passeios temáticos entre outros. Entendem que já passaram da idade e/ou não se consideram capazes para tal. Precisamos elaborar uma agenda de programações que abranja todas as décadas, lembrando que cada um precisa ser respeitado dentro de seus limites, mas todos devem e podem participar para a tão sonhada “velhice feliz”.

BOAS PRÁTICAS, OFICINAS E WORKSHOPS

Estimule no seu grupo as terapias sociais:

- A arte de contar histórias (estimula as habilidades cognitivas);

- Aromas e memórias (percepção dos sentidos);

- Núcleo de Convivência para Idosos – Trabalhos comunitários (estimula a coletividade);

- Faça memórias, cultural (estimula o exercício do cérebro);

- Jogos cognitivos (ajuda a socialização dos idosos);

- Dança sentada (trabalha corpo e mente);

- Roda de leitura e conversa (concentração, percepção, etc.).

DICAS DE CULTURA E ENTRETENIMENTO

A terceira idade e a longevidade avançada é uma etapa da vida pela qual se espera que todo indivíduo um dia passe. É uma fase onde as emoções podem aflorar muito mais facilmente. Aproveitar a terceira idade e a longevidade avançada é saber o valor de cada momento que se vive, seja antes, durante ou depois. Entender que tudo tem uma hora, e cada hora tem seu brilho. Abaixo listamos algumas opções para incluir no seu ministério com seu grupo.

LIVROS

Jogos Cognitivos - Um Olhar Multidisciplinar
Autor: Anderson Amaral/Juliana Ohy
Editora: Wak

60+ - Desafios e Oportunidades para Terceira Idade
Autor: Jaqueline Dias Cabral Teixeira (Org.) Teixeira (Org.)
Editora: UFMBB
Lançamento 2018!

Liderança Cristã – A Arte De Crescer com as Pessoas
Autor: Nancy Gonçalves Dusilek
Editora: UFMBB

As 37 Características de Um Líder Que Ninguém Esquece
Autor: Josué Gonçalves
Editora: Mensagem para Todos

O Monge e o Executivo
Autor: James C. Hunter
Editora: Sextante

A Quarta Idade – O Desafio da Longevidade
Autor: Matheus Papaléo Netto, Fábio Takashi Kitadai
Editora: Atheneu
Lançamento 2018!

FILMES

  • “Antes de Partir” (2007)

Sinopse: O bilionário Edward Cole e o mecânico Carter Chambers são dois pacientes terminais em um mesmo quarto de hospital. Quando se conhecem, resolvem escrever uma lista das coisas que desejam fazer antes de morrer e fogem do hospital para realizá-las.

  • “Elsa e Fred” (2014)

Sinopse: Elsa é uma mulher de idade que vive sozinha. Um dia, ela comete uma barbeiragem ao sair com o carro e quebra os faróis do carro de Lydia, a filha de seu novo vizinho, Fred. Revoltada com o ocorrido, Lydia exige que Elsa pague o conserto. O filho de Elsa aceita cobrir os danos mas, ao entregar o cheque a Fred, Elsa lhe conta uma história triste que acaba convencendo-o a recusar o valor. Com o tempo, Elsa e Fred se aproximam cada vez mais, apesar do temperamento bastante diferente. Enquanto ela é cheia de vida, ele é rabugento e mal quer sair de casa.

  • “Nossas Noites” (2017)

Sinopse: Addie Moore é uma viúva solitária que decide certa noite convidar o vizinho também viúvo Louis Waters para dormir em sua casa. A proposta inusitada, que tem por objetivo ajudar os dois a vencer a insônia, a princípio deixa o professor aposentado sem reação, mas conforme eles colocam o projeto em prática uma bonita relação de cumplicidade floresce.

  • “Paulo, o Apóstolo de Cristo” (2018)

Sinopse: Paulo (James Faulkner) era conhecido como um dos perseguidores de cristãos mais cruel de seu tempo. Mas tudo muda quando ele tem um encontro com o próprio Jesus. A partir desse momento, esse jovem se torna um dos apóstolos mais influentes do cristianismo. 

ESTIMULANDO A MEMÓRIA

 “Quero trazer a memória o que me pode dar esperança” (Lamentações 3.21)

Há algum jeito de estimular a memória para que ela não falhe? Em especial nos nossos momentos mais importantes? Sim, uma vida saudável regada de boa alimentação, exercícios e jogos divertidos.

“Não sei definir que é memória, mas lembro-me dela toda vez que ela falha!” (Gil; Busse, p20, 20b)

A memória carrega a nossa identidade. Para tudo que fazemos no nosso dia a dia, utilizamos nossa capacidade cerebral: Pensar, falar, ler, escrever, planejar, observar, lembrar. Somos o que lembramos.

 

O CÉREBRO – NOSSO PROTAGONISTA TIPO DE MEMÓRIA EXPLICAÇÃO

 

TIPO DE MEMÓRIA

EXPLICAÇÃO

Memória de curto prazo

Também conhecida como memória de trabalho, retém as informações por alguns minutos (quantidade limitada). Possibilita que uma pessoa, por exemplo, possa repetir e discar um número de telefone ou algum breve conteúdo ou frase de algum texto.

Memória de longo prazo

Possui a capacidade de armazenamento maior, mantendo a informação por longos períodos ou até mesmo guardada definitivamente. Exemplos de memória de longo prazo são nossas lembranças de infância e aprendizados escolares. Dentro da memória de longo prazo. Há três tipos de memória:

A) Memória episódica ou autobiográfica: São lembranças relativas à pessoa que as vivenciou e que possuem um significado importante para a mesma.

B) Memória semântica: refere-se a lembranças de fatos da vida em geral, como um idioma e o significado das palavras, por exemplo. São desprovidas de qualquer afeto ou emoção.

C) Memória procedural: está relacionada ao conhecimento de processos automáticos e da rotina, como dirigir ou tocar um instrumento.

Vamos brincar? Brincar é coisa séria – Estimulação Cognitiva. Então brincar não é só para crianças, pois brincar faz parte de nossas vidas. Brincamos quando jovens, quando adultos e brincamos quando idosos. Quando nos referimos ao brincar na população adulta ou idosa, logo nos lembramos dos jogos.

INSTRUÇÃO JOGOS COGNITIVOS

NOME DO JOGO

MATERIAL UTILIZADO

PROCEDIMENTO
(Forma de trabalhar)

OBJETIVOS DO JOGO (O que trabalhamos com o jogo)

 

 

1) Cada participante fica com um prato (um cômodo da casa);

 

 

-  Cinco pratos brancos;

-  Colar em cima de cada prato uma parte da casa (sala, cozinha, banheiro, etc.);

2) Na sua vez, joga o dado, e o número que cair corresponde ao número de pregadores que vai prender em seu prato;

Memória de trabalho e afetiva;

Percepção  visual e auditiva;

Jogo dos Pregadores

- Pregadores com etiquetas escritas, objetos encontrados em cada cômodo da casa;

3) Cada pregador deve ter associação com o cômodo de cada participante;

Atenção; Lateralidade;
Linguagem;

 

- Dado

4) Estipular com quantos pregadores presos o participante ganha.

Psicomotricidade.

 

CONSIDERAÇÕES FINAIS

O principal fator determinante de um alto nível de qualidade de vida parece ser um convívio social positivo, próximo e estável – a comunhão no ambiente da igreja é um exemplo. O lazer associado a atividades físicas e mentais estão diretamente relacionadas ao favorecimento da qualidade de vida. Além disso, o engajamento em atividades intelectuais é apontado como fator de prevenção contra declínios cognitivos da idade. Todos podem envelhecer com qualidade, é impossível parar completamente o envelhecimento, a receita é simples: tome posse das promessas de Deus, cultive seus amigos e familiares, faça atividade física regularmente, cuide da sua saúde, estimule sua memória e preze sempre por sua felicidade.

Programe atividades diferentes e diversas para atrair a atenção e a participação de seu grupo de idosos. Lembre-se, todos precisam participar, por isso muito critério nas escolhas das atividades. Atenção ao idoso da longevidade avançada (quarta idade), chegar a ambas idades depende muito do estilo de vida de cada um (exercícios nas primeiras décadas) e sua genética. Não me rejeites na minha velhice, não me abandones quando se vão as minhas forças. (Salmos71.9)

A líder precisa trabalhar duro e isso envolve muitas coisas, separar tempo para estudar, ler, assistir vídeos de treinamentos, fazer cursos de liderança e principalmente aplicar os cursos, bem como tudo o que for aprendido com o próprio grupo. É de sua responsabilidade usar a sabedoria e todas as ferramentas disponíveis com o grupo de idosos para garantir o bem estar e a comunhão.  O sucesso nasce do querer, da determinação e persistência em se chegar a um objetivo. Mesmo não atingindo o alvo, quem busca e vence obstáculos, no mínimo fará coisas admiráveis. Confie no seu potencial como humano e busque a sabedoria e força em Deus para realizar seu trabalho. “Mesmo na velhice darão frutos, permanecerão viçosos e verdejantes”. (Salmos 92.14)

“Envelhecer é como o salto no vazio do adolescente que vai de encontro à juventude. A gente amadurece, a um certo ponto alça voo em direção à velhice e, diante de si, encontra um mar infinito que se chama liberdade.”

 

FONTE DE PESQUISA

  • Eurides Santana Freire. Melhor Idade Por Que Não? Editora CPAD 2012;
  • Josué Gonçalves. As 37 Características de Um Líder Que Ninguém Esquece. Editora Mensagem para Todos 2008;
  • Samuel Rodrigues de Souza. Terceira Idade Dinâmica – Como Organizar Um Grupo de Trabalho Com Idosos. Editora UFMBB 2008;
  • Samuel Rodrigues de Souza. Ao Encontro dos Amanhãs – O Envelhecer Feliz. Editora UFMBB 2001;
  • Nancy Gonçalves Dusilek. Liderança Cristã – A Arte De Crescer Com as Pessoas. Editora UFMBB 2002;
  • James C. Hunter. O Monge e o Executivo. Editora Sextante 2004;
  • Anderson Amaral e Juliana Ohy. Jogos Cognitivos – Um Olhar Multidisciplinar. Editora Wak 2018;
  • Jaqueline Dias Cabral Teixeira (Org.) – 60+ Desafios e Oportunidades para a Terceira Idade - UFMBB Matheus Papaléo Netto
  • Fábio Takashi Kitadai – A Quarta Idade – O Desafio da Longevidade www.batistaesperanca.com.br – Ministério da Melhor Idade;
  • www.delas.ig.com.br – Vivendo melhor na terceira idade; www.dw.com – Longevidade
  • www.drauziovarella.com.br – Envelhecimento Saudável
  • www.escolachavededavi.com.br – Princípio de Caráter
  • www.livrarianoah.com.br/ Reuniões Atraentes – Joel Comiskey
  • www.ieadjo.com – Evangelização da Terceira Idade
  • www.verbodavida.org.br – Café com Líderes / Liderança e Caráter
  • www.liderancadesucesso.com.br – 5 Passos Para Crescer como Líder 5
  • www.dicasprofissionais.com.br – O Líder Precisa Ter Carisma
  • www.lagoinha.com – O Caráter e as Habilidades de um Líder
  • www.mir12.com.br – O Líder de Caráter com o Caráter de Jesus
  • www.blog.stannah.pt – Atividades Memória dos Idosos
  • www.saf.org.br - Dinâmicas para Grupos Evangélicos da Terceira Idade
  • www.cardapiopedagogico.blogspot.com – Idoso e Roda de Leitura e Conversa
  • www.metropoless.com – Chegamos à quarta idade. E agora, estamos preparados?

 

EXEMPLO PARA O DESENVOLVIMENTO DO SEU TRABALHO

FICHA DE AVALIAÇÃO E PESQUISA DE INTERESSE

 

NOME:

DATA DE NASCIMENTO:                                       

SEXO:

NATURALIDADE:                                  

PROCEDÊNCIA:

VIVE SÓ OU ACOMPANHADO?

TEM AUTONOMIA?

ESTADO CIVIL:

ESCOLARIDADE:

PROFISSÃO:

AINDA TEM ALGUM TIPO DE TRABALHO?

RENDIMENTOS:

(    ) Sem rendimentos          (    ) 2 a 3 SM                  (    ) 7 a 10 SM

(    ) Menos de 1 SM               (    ) 4 a 6 SM                 (    ) Mais de 10 SM

*SM – Salário Minímo

RELIGIÃO:

EXPERIÊNCIA ESPIRITUAL:

ENDEREÇO:

PONTO DE REFERÊNCIA:

TELEFONE:                                                                

E-MAIL:

TEM VIAJADO?                                                        

PARA ONDE?

DIAGNÓSTICO NUTRICIONAL:

PESO:                                                                        

ALTURA:

PESSOAS PARA CONTATO:

ENDEREÇO:                                                             

TELEFONE:

ATIVIDADES DIVERSAS

COLOCAR O NÚMERO CORRESPONDENTE DENTRO DOS PARÊNTESES

1. Gosto e faço              2. Gosto e não faço            3. Gostaria de fazer

(    ) Ler      
(    ) Pintar   
(    ) Bordar      
(    ) Costurar      
(    ) Conversar    
(    ) Plantar  
(    ) Passear ou viajar
(    ) Ver Televisão
(    ) Cantar
(    ) Festivais de música
(    ) Saraus
(    ) Jantar (noite de talentos)
(    ) Festas comemorativas
(    ) Natação
(    ) Circo
(    ) Ginástica
(    ) Parque
(    ) Tocar instrumentos musicais
(    ) Teatro
(    ) Artesanato
(    ) Seresta
(    ) Cantiga de roda
(    ) Dramatização
(    ) Enquetes 
(    ) Competições esportivas
(    ) Aprender pintura
(    ) Gincana 
(   ) Encontro com diversas finalidades

Outras atividades que você gostaria de fazer:

Você poderia ajudar, orientar ou coordenar alguma das atividades acima? Citar quais:

Coloque as atividades de sua preferência em ordem numérica (1 a 4):

Palestra com Médico, Psicólogo, Nutricionista  (    )

Estudos Bíblicos com Jogos, Gincana, Dinâmicas  (    )

Festivais de Música, Saraus, Teatro  (    )

Ginástica orientada com Professor Especializado (    )

Você poderia ajudar, orientar ou coordenar alguma das atividades acima? Citar quais:

Versículo Bíblico preferido:

Observações:

________________, _____ de __________________ de ________

 

________________________________________________

Assinatura do Responsável

 

Nome Legível _______________________________